YouTube e Google recebem multa de US$ 170 milhões 1

YouTube e Google recebem multa de US$ 170 milhões

Amanda Araújo

O Google recebeu, na última quarta-feira (4), uma multa de US$ 170 milhões da Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos (FTC), porque o YouTube violou as leis americanas de proteção às crianças

A acusação foi que a plataforma coletou dados pessoais de crianças, algo que é expressamente proibido por uma lei que entrou vigor no país em 1998 – ela proíbe a coleta de informações de crianças menores de 13 anos. 

Para conseguir fazer isso, o YouTube rastreou a navegação dos espectadores de vídeos infantis sem o consentimento dos pais. Esses dados obtidos através de cookies eram capazes de gerar milhões de dólares por conta de venda de publicidades direcionadas. 

De acordo com o presidente da FTC, Joe Simons, o YouTube se apresentava a potenciais clientes corporativos como uma das plataformas mais populares do público infantil, a fim de vender cada vez mais anúncios. 

Dessa forma, além da multa, o acordo feito entre o Google e o FTC exige que a empresa não viole mais a lei e comece a notificar os donos de canais a respeito de suas obrigações referentes à obtenção de consentimentos dos pais antes de coletar qualquer dado pessoal de crianças. 

É exatamente por isso que a partir de agora os comentários e as notificações dos vídeos infantis presentes no YouTube serão desativados.

Essa é somente uma das medidas que o Google pretende adotar a fim de lidar com a situação. Além disso, a plataforma não exibirá mais anúncios em conteúdos infantis e limitará a coleta de informações desse público. 

Em relação à multa aplicada (US$ 170 milhões), a FTC receberá US$ 136 milhões, enquanto o Departamento de Justiça dos Estados Unidos ficará com US$ 34 milhões. 

Em uma publicação no blog do YouTube, o Google deixou claro que todas as mudanças anunciadas entrarão em vigor durante os próximos quatro meses. 

Deixe um comentário