Receita de empresa aumenta em 46% por conta de folga 1

Receita de empresa aumenta em 46% por conta de folga

Amanda Araújo

Quantas horas um funcionário precisa trabalhar durante a semana para ser o mais produtivo possível?

Bom, não não existe um consenso para essa pergunta, uma vez que isso depende de inúmeras variáveis: cultura de cada país e da própria organização, área de atuação do colaborador em específico, qual mercado a empresa está inserida, entre muitas outras coisas. 

Apesar disso, a realização de testes com carga horária reduzida é cada vez mais comum ao redor do mundo. Em alguns casos, esses testes até mesmo geram resultados concretos e positivos. A Versa, uma agência de Marketing Digital da Austrália, é um grande exemplo disso. Essa empresa optou por dar folga aos funcionários todas as quartas-feiras

A medida começou a ser adotada em julho de 2018 e, desde então, ou seja, durante um ano, a receita da Versa aumentou 46%. Como se isso já não bastasse, o lucro também triplicou. 

Segundo a CEO da Versa, Kath Blackham, a empresa não acredita que o aumento tenha sido causado somente por conta da diminuição da carga horária. Na verdade, a satisfação em geral dos funcionários melhorou bastante, o que contribuiu e ainda está contribuindo com a produtividade

Para que fosse possível dar folga às quartas-feiras, a empresa precisou reorganizar seus fluxos de trabalho, é claro. Dentro do novo planejamento, algumas tarefas precisam ser entregues até terça-feira e os colaboradores responsáveis pela área de relacionamento com outras organizações precisam alinhar a agenda com parceiros e clientes. 

Kath Blackham ressalta que a novidade foi capaz de gerar um sentimento de merecimento nos funcionários. Isso porque para continuar tendo as quartas-feiras livres, eles devem ser realmente produtivos nos outros dias da semana para merecer tal benefício.

A CEO deixa claro que o principal objetivo foi inovar e testar para ver qual seria o resultado ao longo do tempo.

Outras empresas também estão começando a testar uma redução na carga horária de trabalho e outras até mesmo já fizeram esse teste. Em alguns casos não deu certo, mas a tendência é que ao fazer todo o planejamento necessário essa folga seja sim possível, além de muito benéfica – é claro que tudo dependerá de cada empresa.

Deixe um comentário