Por mais segurança, Zoom compra startup de criptografia 1

Por mais segurança, Zoom compra startup de criptografia

Amanda Araújo

Após ter enfrentado diversos problemas e contratado o ex-diretor de segurança do Facebook para tentar resolvê-los e evitar ainda mais complicações, o aplicativo Zoom divulgou na última quinta-feira (7) a compra da startup Keybase

Essa startup fundada em 2014 e sediada em Nova York, é especializada em identidade digital e criptografia e sua aquisição por parte do Zoom é assegurar que hackers não tenham acesso à plataforma e acabem prejudicando os usuários de alguma forma. 

A startup Keybase tem como ideia central fornecer algo conhecido como central unificada de identidade dentro da internet. 

Através dessa central unificada de identidade, por exemplo, é possível integrar contas de várias redes sociais e permitir que os usuários enviem arquivos e se comuniquem com segurança. 

Uma dos principais diferenciais da Keybase é que a empresa também arquiva informações e dados dentro de um servidor central, protegendo tudo com criptografia

Com base nisso, a Zoom deixou claro que com a aquisição pretende agregar a equipe da Keybase à própria equipe de desenvolvimento da empresa, contribuindo diretamente para melhorar a segurança do seu serviço de videoconferência. 

Além disso, Max Krohn –  um dos fundadores da startup – passará a ser chefe dos engenheiros de segurança. 

A Zoom não divulgou mais detalhes a respeito de toda a negociação.

Deixe um comentário